• flag-br
  • flag-esp
  • flag-us

Climatizar é preciso

PUBLICADO EM 24/01/2019 Climatizar é preciso

Climatizar é preciso

O mês de janeiro de 2019 vai entrar para a história do País como um dos mais quentes de todos os tempos. Oscilações climáticas e efeitos como o El Niño fizeram da primeira quinzena um período de altíssimas temperaturas. Somente três dias registraram marcas abaixo de 30º C.

O que também tem chamado atenção nesse calorão é a temperatura mínima, que ficou abaixo dos 20º C apenas em dois dias. Ou seja, mesmo nas madrugadas e após os temporais típicos da estação a temperatura não diminui.

Tanto calor faz aumentar a necessidade da indústria, de empresas e centros de compras, como shopping centers, por climatização. Um ambiente climatizado deixa de ser um diferencial e passa a ser fundamental para o andamento dos negócios

No caso dos shoppings centers, destino preferido em tempos de férias escolares, oferecer um ambiente climatizado faz toda a diferença para manter o público no estabelecimento por um tempo maior e ainda favorecer as vendas. Imagine entrar em um shopping e perceber que a temperatura interna está igual ou maior do que na rua?

Para manter temperaturas amenas e conforto térmico é necessário muito mais do que um sistema de ar condicionado. Uma estrutura complexa, composta por Chillers, Rooftops, Fancoils e diversos acessórios e resfriadores de água atuam em conjunto para melhorar a eficiência do ar condicionado, climatizar o ambiente e manter a umidade do ar na medida certa.

Um dos equipamentos mais estratégicos e indispensáveis nessa operação são os Chillers, que reutilizam a água do ar condicionado, resfriando o volume quente e devolvendo-o gelado para o sistema de climatização e, na sequência, para o ambiente.

Complementando essa operação, os Fancoils produzem a vazão de ar de acordo com a necessidade da aplicação, trabalhando em conjunto com os Chillers em soluções de conforto térmico. Em conjunto com Rooftops, aparelho de ar condicionado para grandes ambientes, estes equipamentos permitem perfeito controle térmico do ambiente.

Nos shoppings, que ocupam grandes espaços e recebem um grande fluxo de pessoas, principalmente no mês de janeiro, uma boa climatização também favorece a circulação, filtragem e a renovação do ar, tornando o ambiente mais saudável.

Ao fazer uso dos Chillers, um shopping center deixa seu sistema de ar condicionado mais eficiente, reduzindo os picos de energia e diminuindo o gasto energético, custo que é um dos maiores na operação de um estabelecimento desse porte. Vale destacar que os gastos com energia podem representar 45% dos custos condominiais de um shopping center. Desse total, de 50% a 60% são atribuídos ao ar condicionado.

Além de shoppings centers e indústrias, as aplicações de climatização e resfriamento são muito indicadas para outros tipos de estabelecimentos comerciais, como supermercados, redes varejistas e aeroportos. Mesmo com operações diferentes, essas áreas têm em comum a circulação contínua de pessoas, que não podem sofrer com o desconforto gerado pelos dias mais quentes.

Como fornecedora de soluções sob medida para clientes dos mais variados segmentos, a Tecnogera investiu na ampliação da oferta de Chillers e hoje conta com uma das maiores e mais modernas frotas desses equipamentos no mercado nacional.

Para fortalecer sua atuação neste mercado e atender os mais diferentes tipos de demandas, em 2018, a Tecnogera inaugurou em sua sede, em São Bernardo do Campo (SP), o Centro de Treinamento de Chiller, integrado à estrutura de engenharia aplicada da empresa.

O objetivo do espaço é possibilitar a capacitação e o desenvolvimento do time interno de atuação em Chiller, além de favorecer o relacionamento com parceiros do segmento, que ainda não conheciam a estrutura disponibilizada pela companhia.




VOLTAR