• flag-br
  • flag-esp
ATENDIMENTO COMERCIAL 24H 0800 772 1601
array(4) { ["__NAMESPACE__"]=> string(22) "Application\Controller" ["controller"]=> string(4) "Blog" ["action"]=> string(7) "detalhe" ["slug"]=> string(56) "entenda-a-tabela-de-padrao-de-cores-para-cabos-eletricos" } array(3) { ["module"]=> string(11) "application" ["controller"]=> string(4) "blog" ["action"]=> string(7) "detalhe" }
ATENDIMENTO COMERCIAL 24H 0800 772 1601

Entenda a tabela de padrão de cores de cabos elétricos

O padrão de cores de cabos elétricos é de grande importância para garantir a segurança das instalações elétricas e também das pessoas que trabalham nela.

PUBLICADO EM 17/09/2014 Entenda a tabela de padrão de cores de cabos elétricos

Para garantir a segurança das instalações elétricas e das pessoas que trabalham diretamente com a manutenção e instalação de sistema de fios e cabos, os condutores são identificados por um padrão de cores que aponta a função de cada condutor, e esse padrão de cores de cabos elétricos pode ser diferente de acordo com o país ou região.

QUAL A DIFERENÇA ENTRE FIOS E CABOS?

Fios e Cabos são condutores elétricos que possuem nomes diferentes apenas pelo fato de terem distinções em sua composição interna, mas com a mesma finalidade que é a condução de corrente elétrica.

São classificados de acordo com a norma NBR NM 280:2011 que define sua categoria como condutor elétrico: fios contém apenas um condutor sólido enquanto os cabos são compostos por vários condutores menores de acordo com sua classe, são feitos de cobre, e também de alumínio.

 O Fio elétrico é formado por um único fio, com uma secção constante metálica em que não existe diferença em relação a capacidade de condução de corrente em instalações residenciais. Devido à sua rigidez é mais fácil de se partir caso seja dobrado algumas vezes. Por isso só são utilizados em situações em que não vão ser submetidos a dobragens. São classificados como Classe 1: Fio Sólido composto por apenas um condutor.

 O cabo elétrico é formado por vários fios condutores entrelaçados, o que o torna flexível e suportando muitas dobragens sem nunca se quebrar. São utilizados na ligação entre duas partes de um circuito que podem mudar de posição e, que estão por isso submetidos a esforços de dobragem.

A secção, ou a “espessura” de um cabo condutor, depende da quantidade de eletricidade que este terá que suportar. Pode-se dizer que existem condutores com variadas secções e com múltiplas configurações. Abaixo a classificação das principais classes de cabos condutores:

Classe 3: Composto por 7 condutores (Rígido).

Classe 4: Composto por 45 condutores (Flexível).

Classe 5: Composto por 75 condutores (Extra flexível).

NORMA NBR-5410

No Brasil, a norma NBR 5410 determina as cores de cabos elétricos e fios que devem ser utilizadas para identificação. Ela se aplica às instalações elétricas de baixa tensão em edificações. Além de especificar regras de cor dos cabos, estabelece também sua identificação e função, aterramento residencial, iluminação, tomadas e interruptores, localização do quadro de distribuição, levantamento de carga, e outros itens.

De acordo com a norma não é obrigatória a utilização da tabela de cores para identificar os cabos, mas se for utilizada a cor como forma de identificação da função, estas cores devem seguir o padrão.

CABO AZUL CLARO

Para condutores neutros com isolação.

Qualquer condutor isolado, cabo unipolar ou veia de cabo multipolar utilizado como condutor neutro, em caso de identificação por cor deve ser azul-clara, na isolação do condutor isolado ou da veia do cabo multipolar, ou na cobertura do cabo unipolar.

O condutor que não possui Tensão (0V) não está carregado, porém não deve ser chamado de “negativo”, usar esse conceito é completamente errado. 

CABO VERDE OU VERDE COM AMARELO

Para condutores de proteção, popularmente conhecidos como “fio terra”.

Qualquer condutor isolado, cabo unipolar ou veia de cabo multipolar utilizado como condutor de proteção (PE), em caso de identificação por cor deve ser verde-amarela ou a cor verde (cores exclusivas da função de proteção), na isolação do condutor isolado ou da veia do cabo multipolar, ou na cobertura do cabo unipolar.

Condutor de Proteção (PE) é um condutor ligado a hastes cravadas na terra e que acompanha todos os circuitos com a função de proteger os equipamentos ligados aos circuitos contra sobrecargas elétricas e os usuários contra possíveis choques elétricos. 

CABO VERMELHO, PRETO OU MARROM

Indicado para condutores fase.

Para o condutor fase pode-se utilizar quaisquer cores desde que não use as cores estabelecidas nos itens anteriores. Geralmente usa-se o vermelho, preto ou marrom.

Qualquer condutor isolado, cabo unipolar ou veia de cabo multipolar utilizado como condutor de fase deve ser identificado de acordo com essa função. É o condutor onde há uma Tensão (127V ou 220V) ou DDP (diferença de potencial). Na linguagem de obra é o condutor que possui “carga”.

Vale destacar que, apesar de existir uma norma específica para a padronização de fios e cabos elétricos, muitas instalações elétricas não seguem a coloração oficial — sobretudo em obras muito antigas ou irregulares. Por isso, jamais confie cegamente na cor do fio na hora de fazer novas conexões ou realizar manutenções. O ideal é sempre consultar detalhadamente os diagramas e mapas da instalação, bem como medir a tensão presente em cada condutor.




VOLTAR