• flag-br
  • flag-esp
  • flag-us

Tecnologia no Agronegócio, porque o setor energético é essencial

Com demanda crescente, geradores a diesel auxiliam o setor do agronegócio fornecendo energia alternativa

PUBLICADO EM 28/07/2020 Tecnologia no Agronegócio, porque o setor energético é essencial

 

Não há dúvidas sobre a importância do Agronegócio dentro da economia brasileira. O setor é um dos grandes influenciadores na balança comercial do país, e para manter este bom resultado, a segurança energética torna-se um dos seus pilares. Por isso, é essencial manter a tecnologia na agricultura sempre em estudos e constantes atualizações. 

No setor de energia, a inovação tecnológica tem avançado significativamente para o suprimento confiável de energia elétrica.

Quer saber mais sobre como a tecnologia é utilizada no Agronegócio? Continue acompanhando a nossa publicação!

CRESCIMENTO DO AGRONEGÓCIO

Sejam por fatores ligados ao clima favorável ou até pela grande extensão territorial, o Agronegócio representa uma grande fatia da produção do país.

De acordo com a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), o Produto Interno Bruto (PIB) do agronegócio brasileiro cresceu 3,81% em 2019, no comparativo com 2018. Isso representou 21,4% do PIB brasileiro total.

Mesmo diante da pandemia causada pelo novo coronavírus, o crescimento do setor tem se mantido e impulsiona também a adoção de práticas responsáveis para a excelência das atividades de produção.

O comunicado técnico da CNA, publicado em 29 de maio, apontou que a agropecuária apresentou crescimento de 1,9% no 1° trimestre de 2020 em relação ao mesmo período de 2019. 

Também é um aumento em comparação aos 0,9% obtidos no comparativo entre os primeiros trimestres de trimestre de 2019 e de 2018.

De acordo com reportagem do Portal do Agronegócio, a participação do setor nas exportações passou de 18,7% nos três primeiros meses de 2019 para 22,9% no mesmo período de 2020.

Mais do que atingir bons indicadores, mantê-los saudáveis diante de um cenário mundial competitivo é um dos maiores desafios do setor.

TECNOLOGIA NA AGRICULTURA, APLICAÇÕES NO SETOR

Com essa demanda crescente pelo aumento da produtividade no Agronegócio, a tecnologia é a principal aliada para entregar mais eficiência e ótimos indicadores com menos recursos, mantendo a saúde do negócio.

O segmento está mais automatizado com ferramentas que combinam a utilização de inovação e tecnologia em áreas nunca pensadas. Alguns exemplos da aplicação de tecnologia no setor são:

  • Os robôs agrícolas já são uma realidade e não estão sozinhos. Com a aplicação de drones, comunicação via satélite e sensores, conseguem mapear a área onde está sendo realizado o plantio. 
  • Um centro de processamento de informações também se faz presente e controla o tempo exato para a aplicação de água com recursos de irrigação eletrônica, novas sementes, pesticidas, colheita pré-programada e outras formas de monitoramento e controle;
  • Para diferentes tipos de culturas e até outros tipos de áreas de atuação dentro do Agronegócio, a conexão com dados meteorológicos é importante para antever com certa acurácia como será a produção;
  • Alinhando técnicas de Big Data e Aprendizado de Máquina, modelos cada vez mais complexos e específicos tendem a prever cenários ideais e a otimizar a produção;

Imagem aérea de uma plantação em crescimento com um drone fazendo a ronda ao lado de um trator

Na área de energia o setor sofre o impacto da instabilidade da rede local, muitas vezes distante do centro urbano e sujeita às oscilações de tensão e frequência. 

Neste caso diversas empresas têm optado pela utilização de grupos geradores como fonte alternativa de energia.

COMO UM GERADOR DE ENERGIA PODE AUXILIAR O AGRONEGÓCIO A NÃO PARAR?

Todas as inovações citadas dependem de um suprimento correto e uma estrutura energética compatível com a demanda do Agronegócio. 

A falta de energia por parte da concessionária é sempre crítica à cadeia do agronegócio. No entanto, o maior impacto é percebido quando o consumidor está em regiões isoladas, onde o ramal de atendimento sofre as maiores oscilações de quedas de energia. 

Isso acontece não somente no setor agro, mas também todos outros setores da economia onde a qualidade de energia é deficitária. Consumidores de final de linha sofrem mais com quedas de energia do que aqueles próximos aos centros urbanos. 

Além da aplicação de tecnologia de ponta, atividades que envolvem a criação, controle e monitoramento de animais são um ótimo exemplo da relevância da presença de um gerador de energia.

Caso ocorra alguma falta de energia no setor de produção de leite, milhares de litros podem ser simplesmente jogados fora devido à perecibilidade do produto.

A ordenha de leite também é um dos pontos de atenção, uma vez que já é realizada de modo automatizado. Caso ocorra alguma queda ou intermitência no fornecimento de energia elétrica, haverá impacto na produção.

Outro cenário importante é na produção de frangos, pois dependem de um controle correto das condições de temperatura e umidade no local. Dependendo do tempo falta de energia elétrica, a elevação de temperatura será suficiente para mortalidade dos animais.

VANTAGENS DE TER UM GRUPO GERADOR DE ENERGIA EM SEU NEGÓCIO

Poder contar com o gerador de energia como fonte alternativa é elevar a segurança energética dentro do Agronegócio. Várias são as opções no mercado, uma delas está no aluguel do equipamento , onde é possível agregar serviços ao contrato como, por exemplo, o do monitoramento por meio de telemetria.

Quem atua nesse segmento sabe da dificuldade em relação à segurança energética devido faltas ou instabilidades de energia em áreas remotas, e das suas consequências e complicações.

ATENDIMENTO EAAS (ENERGY AS A SERVICE)

A aplicação da tecnologia no Agronegócio aumenta a relevância do setor trazendo maiores índices de produtividade e de eficiência, garantindo uma melhor produção com a utilização correta de recursos.

E para manter a qualidade de seu sistema elétrico a Tecnogera tem soluções que chegam até nos lugares mais remotos, onde as quedas de energia são constantes e podem afetar a cadeia produtiva do agronegócio.

O foco da geração de energia temporária está no fornecimento do produto final: a energia. Esta modalidade de contrato permite que o cliente mantenha o foco no seu negócio. 

O grande benefício da energia temporária é a entrega da energia como serviço (EaaS – Energy as a Service), onde o cliente paga pelo uso do serviço (energia). Nesta modalidade de contratação ao invés de aquisição, o cliente passa para o fornecedor toda responsabilidade pelo fornecimento, ou seja, neste modelo as manutenções preventivas, corretivas, depreciação dos ativos, seguro, atualização da tecnologia, troca dos equipamentos e SLAs de atendimentos, ficam a cargo da empresa contratada. 

Com atendimento EaaS (Energy as a Service) a Tecnogera cuida de toda a estrutura necessária para o fornecimento de energia, sempre com uma frota moderna e em constante atualização, atendimento nacional 24 horas, 7 dias por semana e tecnologia de Telemetria para garantir o alto desempenho com o mínimo índice de falhas.

Precisa de energia alternativa? Fale com um especialista!

Veja também:

Descubra qual o gerador ideal para sua necessidade

29 de maio | Dia mundial da energia elétrica

Tipos de geração de energia elétrica

Como calcular o consumo de um gerador a diesel




VOLTAR